Melhor Vista de Campos do Jordão, Hotéis, Passeios, e Pacotes de Viagem

1. Passeio pelo Parque Amantikir A Vista do Parque Amantikir é um lindo passeio por jardins de diversas partes do mundo dentro da Serra da Mantiqueira. Preço da visita R$ 40,00 (jun/2019). Tem um Mirante com uma linda vista do por do sol. Conheça melhor através do mapa oficial do parque, e dicas para visitar […]

1. Passeio pelo Parque Amantikir

A Vista do Parque Amantikir é um lindo passeio por jardins de diversas partes do mundo dentro da Serra da Mantiqueira. Preço da visita R$ 40,00 (jun/2019). Tem um Mirante com uma linda vista do por do sol. Conheça melhor através do mapa oficial do parque, e dicas para visitar o Parque

2. Vista da Pedra do Bauzinho

Com altitude de 1.950 metros o Complexo do Baú fica na divisa dos municípios paulistas de Campos do Jordão e São Bento do Sapucaí é um dos principais cartões postais. O complexo é formado por três enormes rochas: a Pedra do Baú, a maior e mais alta pedra com 1.950 metros de altitude; O Bauzinho com 1.760 metros; e a Ana Chata com 1.670 metros de altitude.

3. Vista do Morro do Elefante pelo teleférico

No centrinho de Capivari é possível um passeio bem diferente – andar de cadeirinhas. O Teleférico de Campos do Jordão foi o primeiro do Brasil construído para levar passageiros e começou a funcionar em 1970 ligando Capivari ao Morro do Elefante – atrativo turístico de onde se pode ter um vista panorâmica da cidade. São 74 cadeirinhas individuais e até 600 pessoas podem ser transportadas por hora. É um passeio que promete muita emoção para a família.

A partida é do Parque do Teleférico localizado em Capivari, onde são comprados os bilhetes que tem validade para subida e descida com direito a desembarque no Morro do Elefante para aproveitar o visual. O percurso tem duração de cinco minutos e são 560 m percorridos. O frio na barriga é inevitável, mas a vista compensa.

O tempo de parada no Morro do Elefante, onde termina a subida das cadeirinhas, não é estipulado, sendo permitido desembarcar, tirar fotos e apreciar a paisagem e depois embarcar para descer, voltando ao ponto de origem. Lá embaixo, no Parque da Estrada de Ferro, você encontra diversos quiosques de malhas e outros produtos artesanais.